O que é Coaching? Essa é uma pergunta que ouço sempre por aí, a maioria das pessoas já ouviu falar, já viu esse nome em vários locais, mas não fazem a menor ideia do que efetivamente é o Coaching.

Bom, antes de tudo, vou explicar os termos, Coaching é o processo, é o trabalho que será realizado, e Coach é o profissional responsável por realizar esse trabalho.

O Coaching que tanto vemos por aí, normalmente diz respeito a um processo de Desenvolvimento Pessoal, ou seja, algo que as pessoas optam por fazer para que possam desenvolver recursos e habilidades, e esse movimento ganhou muita força no meio empresarial, principalmente nas multinacionais, mas ele não se resume apenas ao mundo dos negócios.

Existem ainda várias “linhas” e “abordagens” do Coaching que podem ser consideradas de sucesso, e vários profissionais que se utilizam dessas ferramentas como Psicólogos, Administradores, Engenheiros, entre outros. Além das diversas modalidades de Coaching, temos o Coaching Profissional, de Vida, Esportivo, de Emagrecimento, Empresarial, e uma infinidade de possibilidades para utilizar as ferramentas e o processo de uma maneira muito eficaz.

 Mas da onde veio esse nome? Coach é uma palavra de origem inglesa, comum no mundo esportivo para designar treinadores e instrutores, e Coaching por sua vez quer dizer treinamento ou instrução. E a palavra Coach deriva de uma cidade húngara chamada Kocs, onde foram inventadas as carruagens puxadas por cavalos.

Robert Dilts, um importante autor da PNL e do Coaching, criou uma metáfora a partir dessa informação, dizendo que como em uma carruagem, que as pessoas são transportadas de maneira segura de um ponto A até um ponto B, no Coaching o profissional tem que ser capaz de criar condições seguras para que o seu Cliente (Coachee) possa se desenvolver, saindo do ponto A (O Estado Atual onde ele se encontra) e chegando de maneira eficaz e segura no ponto B (O Estado Desejado que ele quer alcançar).

De acordo com a Coach Insider, uma famosa e respeitada publicação americana sobre Coaching, podemos definir o processo de algumas formas:

“Coaching está relacionado a manifestar seu melhor desempenho por meio da assistência individual e privada, ministrada por alguém que irá desafiá-lo, estimulá-lo e orientá-lo a continuar crescendo”.

“O Processo de Coaching oferece um contexto seguro, no qual os coachees (Clientes) podem identificar o que está funcionando e o que não está, experimentar novos comportamentos e aprender com suas experiencias”.

Mas é preciso deixar algumas coisas bem claras

  • Coaching não é Terapia: Coaching e Terapia são processos diferentes com objetivos diferentes, o Coaching não tem como objetivo resolver suas questões existenciais, seus conflitos familiares ou qualquer coisa do tipo, isso é terapia, se o seu Coach faz isso, tem algo errado no processo. O Coaching trabalha em direção a uma meta e permanece sempre focado nesse meta.
  • Tem início, meio e fim: O processo de Coaching tem prazo para terminar, ele não é um processo vitalicio, ele dura em média 10 sessões, podendo passar um pouco desse número, chegando a 12, talvez 13 sessões se assim for necessário, mas é muito importante que ele tenha fim.
  • Meta: A meta escolhida pra o Coaching é de extrema importância para o seu sucesso, essa meta precisa ser sólida e importante para o cliente, tem que ser uma meta específica e alcançável.

O Coaching é um processo que serve para alcançar qualquer tipo de meta, desde abrir uma empresa com sucesso e planejamento adequado, quanto para estudar para um concurso público, para emagrecer ou mesmo desenvolver hábitos mais saudáveis como parar de fumar.

Ele é dividido em 6 etapas: “Entrevista Inicial” para conhecer o cliente, explicar o que é o coaching e entender o que ele quer alcançar; “Meta do Coaching”, onde vamos trabalhar e definir a meta do processo; “Plano de Ação”, onde vamos planejar o passo a passo do processo; “Processo de Coaching” que é quando partimos para a ação e começamos a cumprir com o planejamento; “Consolidação” que é depois de atingir a meta, como vai continuar evoluindo e sustentado os resultados alcançados; e por fim “O Fechamento do ciclo”, onde fazemos uma análise completa de todo o processo.

Mas e depois de terminar o Coaching? Depois de terminar um processo de Coaching você vai poder utilizar as ferramentas e recursos que aprendeu ou desenvolveu para outras metas, ou mesmo no futuro quando tiver uma nova meta e achar necessário um novo processo, poderá realizar um novo ciclo de Coaching para essa nova meta.

No vídeo abaixo eu falo sobre “O que é Coaching?” e explico como o processo funciona: